Entenda como usar os juros compostos a seu favor!

Você sabe como usar os juros compostos a seu favor, para aumentar o rendimento das suas aplicações?

Esse fator multiplicador pode trazer resultados tão bons que, em alguns casos, pode proporcionar um salário sem trabalhar.

No entanto, boa parte das pessoas, mesmo tendo ouvido falar no tema, não entendem bem o seu funcionamento.

Pensando nisso, no artigo de hoje, vamos conversar sobre como atua esse tal de juro composto e, além disso, como será possível melhorar os seus resultados financeiros no dia a dia. Continue lendo e confira!

Afinal, o que são juros?

como usar os juros compostos a seu favor guiainvest

São as remunerações pagas por um investimento em dinheiro. Basicamente, juro é a retribuição pela disponibilização do capital. Ele pode apresentar-se de duas formas: como rendimento ou tarifa.

Por exemplo, quando um banco empresta seu próprio capital para você, ele cobra um custo pela transação. Esse valor é o pagamento que a instituição recebe por investir o dinheiro em você. Observe que, para a companhia, essa quantia é o rendimento do dinheiro aplicado. No entanto, para você, é uma tarifa.

Agora, imagine que você adquiriu um título público no Tesouro Direto. Com o passar do tempo, vai observar que o capital aplicado inicialmente terá seu valor acrescentado de forma periódica. Nesse caso, o fato de ter emprestado o seu dinheiro para o governo ocasiona o pagamento dos juros excedentes: o rendimento.

Além disso, essa taxa pode ser aplicada de duas formas: juros simples ou compostos. Como veremos em seguida.

O que são juros simples?

como usar os juros compostos a seu favor

É a modalidade mais conhecida pela população. Juros simples são caracterizados por renderem um percentual do investimento inicial a cada mês ou ano.

Por exemplo, considere que um amigo lhe pediu R$ 10.000 emprestados e ofereceu, como pagamento, uma taxa de juros simples de 5% ao mês. Vocês combinaram que o recebimento aconteceria após 5 meses. Dessa forma, os juros mensais seriam:

  • 1° mês: R$ 10.000 x (0.05) = R$ 500
  • 2° mês: R$ 10.000 x (0.05) = R$ 500
  • 3° mês: R$ 10.000 x (0.05) = R$ 500
  • 4° mês: R$ 10.000 x (0.05) = R$ 500
  • 5° mês: R$ 10.000 x (0.05) = R$ 500

Ou seja, essa modalidade obtém sempre o mesmo resultado para um intervalo de tempo igual. E o valor total de juros acumulados é dado pela equação:

J = C x i x t

Sendo:

  • J: juros simples;
  • C: capital inicial;
  • i: taxa de juros por período;
  • t: tempo.

Assim, a quantia total de juros desse investimento é:

  • R$ 10.000 x 0.05 x 5 = R$ 2.500

E o valor total recebido no final:

  • R$ 10.000 + R$ 2.500 = R$ 12.500

O que são juros compostos?

como usar os juros compostos a seu favor

Você já deve ter ouvido a expressão: “juros sobre os juros”. Bem, ela é uma ótima forma de explicar juros compostos.

Esse tipo de rendimento é caracterizado por gerar resultados cada vez melhores.

Isso acontece porque ele calcula os juros sobre o seu capital inicial junto aos valores já recebidos. Com isso, a lucratividade vai ficando cada vez maior, pois a taxa é calculada sobre quantias sempre superiores, proporcionando, até, a sua aposentadoria.

Lembra o exemplo do empréstimo ao seu amigo? Agora, imagine que você disponibilizaria os R$ 10.000 com juros compostos de 5% ao mês. No decorrer dos 5 meses, o valor dos juros acumulados seriam:

  • 1° mês: R$ 10.000 x (0.05) = R$ 500
  • 2° mês: R$ (10.000 + 500) x (0.05) = R$ 525
  • 3° mês: R$ (10.500 + 525) x (0.05) = R$ 551
  • 4° mês: R$ (11.025 + 551) x (0.05) = R$ 578
  • 5° mês: R$ (11.576 + 578) x (0.05) = R$ 607
  • Total de juros: R$ 2.762,00

Dessa forma, é possível perceber que:

  • a cada mês, ele adiciona o valor recebido anteriormente e, em seguida, calcula o juro atual;
  • para o mesmo período, o resultado é superior ao dos juros simples;
  • as parcelas de rendimentos mensais vão ficando cada vez mais altas.

Essas características são as responsáveis pela “magia” dos juros compostos, o que pode ajudar muito em seu planejamento para ter sucesso financeiro.

Nesse caso, o valor obtido no final do investimento é:

  • R$ 10.000 x (1 + 0.05)5 = R$ 12.762 (maior que os 12.500 do juros simples)

Dado pela equação:

T = C x ( 1 + i )t

Sendo:

  • T: o total de dinheiro acumulado;
  • o restante é iguais aos juros simples.

Como ele pode ser usado nos investimentos?

como usar os juros compostos a seu favor

A propriedade de gerar retornos cada vez maiores é muito útil para potencializar os investimentos. Inclusive, isso pode transformar pequenas quantias em verdadeiras fortunas. Duvida? Vamos analisar!

Nos exemplos anteriores, vimos que o juro composto começa rendendo igual ao simples: R$ 500. Porém, em apenas 5 meses, já está pagando: R$ 607. Ou seja, R$ 107 a mais. Nesse momento, reflita sobre o que aconteceria no decorrer de anos. Bem, esse rendimento cresceria, tanto que é uma das formas mais sólidas de como conquistar 1 milhão de reais.

Imagine, agora, que você vai aplicar esses R$ 10.000 em um investimento que rende 0.8% ao mês. Em seguida, adicionará mais R$ 1.300 à aplicação, mensalmente. Desse modo, você receberá juros sobre o acumulado durante todo o período.

No decorrer dos anos, o seu capital inicial se tornará:

  • 5 anos: R$ 115.740,94
  • 10 anos: R$ 286.300,11
  • 15 anos: R$ 561.410,51
  • 20 anos: R$ 1.005.161,08

Observe, que em duas décadas, esse investimento se transformará em 1 milhão de reais. Além disso, você só contribuiu com apenas R$ 322.000,00 desse total, pois os R$ 683.161,08 restantes vieram dos juros compostos.

Outro ponto importante: você teria que esperar 15 anos para conseguir R$ 500.000,00. No entanto, aguardando apenas mais 5 anos, conseguiria outros R$ 500.000,00.

E isso acontece para qualquer periodicidade. Ao investir 10 anos, nos últimos 2 anos e meio, você terá o mesmo lucro que obteve nos 7 anos e meio iniciais, por exemplo.

Ou seja, os juros compostos podem parecer lentos no início, mas, no final, os ganhos crescem consistentemente. Com isso, é possível perceber que, quanto mais tempo deixar o dinheiro investido, maior será o rendimento e mais rápido seu patrimônio crescerá.

Agora, imagine que você não tinha como acrescentar nada mensalmente e apenas deixasse os R$ 10.000 iniciais lá. Porém, também conseguisse aumentar a taxa de 0,8% para 1% ao mês. Observe o quanto teria:

  • 5 anos:  R$ 18.166,97
  • 10 anos: R$ 33.003,87
  • 15 anos: R$ 59.958,02
  • 20 anos: R$ 108.925,54

É fácil perceber que a cada 5 anos o capital praticamente dobra.

E se você estendesse o investimento por mais 10 anos, sabe o quanto teria acumulado? Seriam R$ 359.496,41!

Teria ganhado aproximadamente R$ 250.000,00! Isso é mais de duas vezes o valor de R$ 108.925,54 que precisou esperar nos primeiros 20 anos. Esse é um exemplo da força do rendimento do juro sobre juro, é como uma bola de neve!

Agora, pense que no lugar de aumentar o prazo, você pudesse aumentar a rentabilidade mensal para 2%. Veja o que acontece:

  • 5 anos: R$ 32.810,31
  • 10 anos: R$ 107.651,63
  • 15 anos: R$ 353.208,31
  • 20 anos: R$1.158.887,35

Dessa forma, é possível notar que uma taxa melhor representará muito dinheiro no longo prazo. Além disso, foi possível chegar ao 1 milhão em 20 anos sem a necessidade de depósitos mensais, diferentemente do caso em que a taxa era 0,8% ao mês.

como usar os juros compostos a seu favor

Saiba que esses resultados são completamente alcançáveis. Historicamente, o investimento em ações gera um retorno médio em torno de 2% ao mês, enquanto taxas como 0,8% mensais podem ser encontradas na renda fixa.

A princípio, entender o funcionamento desse tipo de juros em nossas aplicações pode parecer intimidador. Sobretudo, se não temos muita afinidade com matemática. No entanto, após todos esses esclarecimentos, é possível observar que ele não é tão complexo assim.

Além disso, associado ao tempo, os juros compostos trazem resultados exponenciais aos seu investimentos. De maneira que pequenas quantias podem, realmente, tornar-se muitos dígitos em poucos anos.

Agora você percebe que para ser rico precisa apenas de duas coisas: prazo e rentabilidade. E se você quer se aposentar um dia, precisa saber quanto investir por mês. Por isso, preparamos uma planilha que mostra isso! Aproveite!

Como viajar mais? Conheça 3 investimentos

Todo mundo gosta de viajar, não é mesmo? Porém, muitas pessoas não conseguem realizar esta atividade com a frequência que gostariam. Por isso hoje vamos falar sobre: como viajar mais!

Foi pensando nisso que elaboramos este artigo com dicas imprescindíveis que vão ajudar você a descobrir como viajar mais, planejando e investindo com inteligência.

Sabia que, com um bom planejamento financeiro e escolhendo os investimentos certos, é possível realizar até duas viagens “grandes” ao ano? Ficou curioso? Continue a leitura  e prepare-se para viajar mais!

Como se planejar?

como viajar mais guiainvest investimentos

Planejamento é a palavra-chave para quem deseja viajar mais durante o ano, principalmente no que diz respeito aos passeios mais longos, como viagens internacionais. A dica é que você comece a montar um planejamento com até um ano de antecedência.

Planeje em que período do próximo ano você vai tirar férias e quais serão os feriados prolongados dos próximos meses. Com essas informações, já é possível começar a pensar nos destinos que gostaria de visitar, de quanto dinheiro você precisa para realizar a viagem, onde se hospedar etc.

Uma excelente forma de organizar seu planejamento é criando uma planilha de viagem. Nela, você pode lançar os valores previstos para realizar cada passeio, quanto tempo há até a data prevista para a viagem e, consequentemente, quanto dinheiro é preciso angariar para tanto.

Outra dica interessante no que se refere ao planejamento é optar por fazer pequenas viagens em finais de semana e feriados prolongados. Escolha a baixa temporada, quando os preços são bem mais em conta, e aproveite para conhecer cidades ou estados próximos.

Como calcular uma viagem?

como viajar mais guiainvest investimentos

Como mencionamos anteriormente, o planejamento da sua viagem deve começar com a elaboração de uma planilha. Nesse material, o recomendado é inserir todas as informações relacionadas aos valores desembolsados na viagem:

  • despesas com passagem aérea ou combustível, caso você viaje de carro;
  • custos adicionais com a revisão do veículo, troca de óleo etc. (se optar por se deslocar de carro);
  • gastos com locomoção no local (trem, metrô, transporte por aplicativo, aluguel de bicicleta etc.);
  • custos com hospedagem;
  • despesas com alimentação;
  • tickets de museus ou outros passeios;
  • despesas com lembranças e demais compras que você venha a realizar;
  • seguro de viagem (para passeios internacionais).

Você deve fazer o cálculo do custo total previsto para a viagem levando em consideração todos os gastos que estão relacionados a ela. Comece pela passagem aérea e preveja todas as situações que estejam vinculadas a qualquer tipo de despesa. Como se trata de uma previsão de gastos, é bom que você tenha uma reserva adicional, que será utilizada caso ocorra algo não planejado.

Como escolher o melhor investimento?

como viajar mais como escolher o investimento

Você deve estar pensando: como posso escolher o melhor investimento para começar a planejar minha próxima viagem?

Bem, com a devida educação financeira, é possível chegar a melhor opção de investimento dentro de seus objetivos. Busque por informações em plataformas digitais especializadas, consulte conteúdos focados em investimentos e descubra qual é a melhor fórmula a ser aplicada na sua realidade, de acordo com suas possibilidades.

A seguir, elencamos os 3 principais investimentos que consideramos interessantes para quem deseja começar a guardar dinheiro para viajar. Confira!

Quais são os investimentos ideais para quem quer viajar?

como viajar mais

A melhor maneira de guardar dinheiro é tirar da sua conta corrente ou da poupança e optar por um investimento rentável. Nesse sentido, 3 opções que valem a pena atualmente são: o Tesouro Selic, o Fundo Cambial e o Fundo DI. Entenda melhor como funciona cada um desses investimentos abaixo.

1. Tesouro Selic

O Tesouro Selic  é um título público vendido pelo Tesouro Direito, uma plataforma na qual a pessoa empresta dinheiro para o Governo e, por isso, recebe uma remuneração em troca. Trata-se de uma boa opção, pois garante maior rentabilidade a um risco menor.

Essa é a aplicação financeira mais segura que existe no mercado de investimentos nos dias de hoje, já que o risco de ocorrer algum problema e você não receber o seu dinheiro é praticamente nulo.

Porém, antes de investir, é necessário avaliar os custos de tal aplicação. Você deve verificar as taxas de custódia e corretagem cobradas pelo banco ou pela corretora que vai cuidar do seu investimento. Além desses gastos, há o valor relativo ao Imposto de Renda sobre o rendimento, que varia entre 15% e 22,5%.

De forma geral, as taxas de custódia e de corretagem das corretoras são menores do que as de instituições bancárias. O Tesouro Selic é o investimento ideal para quem está planejando viagens em território nacional.

2. Fundo cambial

O Fundo Cambial é um investimento interessante para quem deseja se proteger da oscilação de moedas internacionais. Portanto, investir nessa modalidade é estratégico para a pessoa que está pensando em realizar uma viagem internacional.

Sua rentabilidade está relacionada ao desempenho de uma moeda internacional, pois ele faz o processo de hedge internacional. Isso significa que seu gestor vai realizar aplicações em títulos que pagam juros atrelados à oscilação das moedas.

O que você precisa saber a respeito do Fundo Cambial é que seu rendimento estará vinculado ao desempenho de uma moeda internacional. Por isso, para fazer uma viagem internacional, ele é o mais indicado.

3. Fundo DI

No Fundo de Renda Fixa Referenciado, a pessoa disponibiliza seu dinheiro para um gestor, que se responsabiliza por fazer os investimentos. As aplicações ocorrem em títulos do Tesouro Direito e de Instituições Bancárias, que pagam como remuneração a conhecida taxa CDI.

Vale destacar que a taxa de administração deste fundo pode ser muito elevada, atingindo uma remuneração inferior à do Tesouro Selic. Além disso, em todos os investimentos de fundos, há cobrança de Imposto de Renda, que varia entre 15% e 22,5%, de acordo com o tempo de aplicação.

Mãos à obra!

como viajar mais

Como você pode ver, é preciso se planejar com antecedência para viajar. A educação financeira começa com a economia, que é o principal segredo para quem quer aproveitar seu dinheiro com mais inteligência e liberdade.

Agora que você já sabe como viajar mais, que tal aproveitar para aprofundar seus conhecimentos em educação financeira?

Baixe gratuitamente o nosso ebook com o passo a passo completo para a sua Liberdade Financeira!

Warren Investimentos: como Aplicar o Método de Warren Buffett

warren-investimentos-como-aplicar-a-estrategia-vencedora-de-warren-buffett.jpeg

Já imaginou se você pudesse investir utilizando a estratégia de alguém que já foi a pessoa mais rica do mundo? Seria um sonho, não é mesmo? Afinal, o conhecimento de um método assim poderia mudar completamente a sua qualidade de vida.

No entanto, muitos investidores não sabem, mas, sim, isso é possível. Acontece que a filosofia do multibilionário Warren Edward Buffett é amplamente difundida, graças às lições das suas famosas cartas aos acionistas da Berkshire Hathaway, às suas próprias declarações e aos diversos livros sobre ele.

Pensando nisso, no artigo de hoje, vamos falar sobre: Warren investimentos. Além disso, analisaremos como eles ensinam a realizar as melhores aplicações. Continue lendo e confira!

Quem é Warren Buffett?

É um investidor americano muito conhecido no mercado financeiro mundial. Constantemente, é listado entre as pessoas mais ricas do mundo. Além do mais, ele é filantropo e principal líder da empresa Berkshire Hathaway.

Warren Buffett nasceu em 1930 em Omaha, filho de um corretor da bolsa de valores e neto de um empreendedor do ramo alimentício. O contato com esses dois universos nutriu no garoto, desde cedo, uma grande paixão pelos investimentos e pelos negócios.

Com apenas 14 anos de idade, Buffett já declarava o imposto de renda e enxergava maneiras de obter deduções. Ainda na adolescência, ele se dedicou a vários empreendimentos, como customizar carros e restaurar bolas de golfe.

Aos 15 anos, enxergou uma oportunidade e resolveu investir US$ 25 em uma máquina de pinball para colocá-la em uma barbearia. Não demorou muito para que o jovem possuísse dezenas desses aparelhos espalhados por toda a cidade.

Por que se inspirar em Warren Buffett para investir?

warren-investimentos-guiainvest

O que torna Buffett um referencial único é o fato de que, mesmo tendo sido extremamente bem-sucedido em seus investimentos — alcançando a maior fortuna do mundo em 2008 —, suas estratégias sempre foram muito simples.

No entanto, a maioria das pessoas acredita que investir deve ser complicado e que, para ir bem nos investimentos, é preciso horas na frente do computador, analisando gráficos complexos e planilhas confusas. Porém, Warren construiu seus vários bilhões fazendo, exatamente, o contrário.

Com isso, é possível perceber que qualquer um com a mentalidade e a instrução corretas pode chegar a excelentes resultados sem a necessidade teorias complexas. Ele veio lá de baixo e construiu todo o grande capital que possui apenas aplicando em empresas que satisfaziam as condições estabelecidas pelo seu modelo.

Qual a estratégia utilizada por Warren Buffett que o tornou um dos homens mais ricos do mundo?

O método empregado por Buffett é a filosofia Value Investing. Ao estudar na Universidade de Columbia, Buffett conheceu o seu maior mentor: Benjamin Grahan. Foi por meio dele que aprendeu essa estratégia.

O método consiste em separar os conceitos de preço — o quanto você paga — e valor — a quantia que o item vale.

Em seguida, ele busca empresas que tenham o valor elevado, porém, por alguma razão, o preço das ações está baixo. Normalmente, essa situação acontece em momentos de pânico do mercado e efeito manada. Ao identificar negócios nessa condição, Warren Buffett analisa vários tópicos da empresa, como:

  • o produto é fácil de vender?
  • é rentável?
  • a demanda pelo item é boa?
  • a companhia é fácil de gerenciar?

Baseado nisso, ele seleciona as opções que se mostraram promissoras e se torna sócio por meio do mercado de ações.

Vale salientar que Buffett sempre prefere empresas simples, assim como as que ele conhece e entende: não apenas o produto, mas também o mercado.

Como aplicar essa estratégia no seu dia a dia?

Trazer esse método para o cotidiano dos seus investimentos é mais fácil do que se imagina. Primeiramente, esqueça a ideia de que o momento de comprar ações é determinado apenas por gráficos de preços e indicadores complicados.

Você deve investir em negócios e não em cotações. É necessário procurar empresas sólidas com produtos simples, duradouros e rentáveis. Prefira produtos e mercados que você compreende bem.

Após identificar negócios com perspectiva de crescimento, espere os momentos que o pânico ou humor do mercado jogam as ações dessas companhias para baixo. Nesse momento, aproveite a oportunidade em que o preço está abaixo do valor e, simplesmente, compre!

O preço tende a ir em direção ao valor; portanto, se o preço está abaixo, a ação vai se valorizar e, assim, você colherá os frutos.

Quais os benefícios de utilizar essa estratégia?

warren-investimentos-guiainvest-dois

As grandes vantagens dessa estratégia são o potencial de ganhos elevados e a possibilidade de adquirir ações de grandes companhias, mesmo não tendo muito capital disponível.

Boas empresas, geralmente, têm ações muito valorizadas e, consequentemente, preço alto. Isso dificulta que o investidor com o dinheiro mais curto possa adquirir uma boa quantidade de lotes, uma vez que elas são vendidas em conjuntos de 100 unidades.

Por exemplo, cada ação da Vale chegou a ser cotada a R$ 72 no mercado. Após a crise em 2008, o preço caiu para R$ 22. Em seguida, em dois anos já voltara a R$ 59.

Isso mostra que quem comprou no momento do pânico (R$ 22) pode ter obtido, em apenas 2 anos, um ganho de 168% do capital investido. Ou seja, se você tinha R$ 50.000 em ações da Vale em 2008, em 2010, caso vendesse, estaria com R$ 134.000 em conta.

Um saldo de R$ 84.000 de lucro, equivalente a um salário mensal de R$ 3.500 no período.

Outro ponto a ser lembrado são os dividendos — participação nos lucros — pagos aos acionistas. São proporcionais à quantidade de ações que você possui.

Dessa forma, com os R$ 50.000 disponíveis para investir, quem comprou na crise tinha muito mais lotes de ações — 22 — do que os que adquiriram antes dela — 6. Com isso, receberam mais dividendos, aumentando ainda mais o retorno.

De fato, saber qual estratégia utilizar para investir pode parecer desafiador. Afinal, muitas vezes temos em mente que deve ser algo difícil e complicado. No entanto, após observarmos a filosofia de investimentos de Warren Buffett, fica muito fácil observar os benefícios de aplicar esse modelo — além de que é possível alcançar resultados muito elevados com um método extremamente simples.

warren-investimentos-guiainvest

Sabendo disso, agora você pode trazer essa estratégia para a sua vida e realizar aplicações financeiras com muito mais segurança e rentabilidade.

E então, já sabe tudo sobre Warren investimentos? Restou alguma dúvida sobre como aplicar a estratégia?

Se sim, não perca tempo! Aproveite que nós temos um convite a fazer: participe da Semana do Investidor Independente!

Entre os dias 03 e 09 de setembro, deixaremos com acesso TOTALMENTE LIBERADO a nossa aula MAIS VALIOSA. Para que você se torne totalmente independente na hora de investir, aumentando ainda mais todos os seus lucros com investimentos. Quer coisa melhor? Pois tem mais!

Nela você aprenderá coisas como:

  • Qual é o tipo de investimento que permite você obter um salário vitalício sem trabalhar;
  • Como funciona essa modalidade de investimento e quais suas características;
  • O valor mensal que você precisa investir para garantir esse salário vitalício;
  • Quanto tempo você precisa para alcançar um salário vitalício interessante.

Inscreva-se agora mesmo clicando aqui.