A Verdade Revelada: Os 5 Obstáculos Que Afastam Você da Riqueza

Na sua opinião, quais são os obstáculos que impedem a riqueza? Você já parou pra pensar que eles podem ser bem diferentes do que está imaginando até hoje? Acompanhe, nas próximas linhas, os 5 obstáculos que podem significar os reais empecilhos que emperram o seu sucesso.
Andre Fogaca

Andre Fogaca

Sócio-fundador do GuiaInvest e formado em Administração e pós-graduado em Economia pela UFRGS.
Obstáculos que Impedem a Riqueza

Na sua opinião, quais são os obstáculos que impedem a riqueza? Você já parou pra pensar que eles podem ser bem diferentes do que está imaginando até hoje? Acompanhe, nas próximas linhas, os 5 obstáculos que podem significar os reais empecilhos que emperram o seu sucesso.

Se você é um leitor habitual aqui do blog ou um eterno aprendiz da educação financeira, já deve saber que as questões comportamentais são um dos mais importantes componentes que podem decretar o sucesso ou o fracasso de um investidor.

A racionalidade humana, principalmente no que diz respeito ao ato de investir, não passa de um grande mito – e saber disso é o primeiro passo para não se deixar levar pela irracionalidade.

É por isso que gosto sempre de trazer a você conceitos e dicas práticas a respeito de finanças comportamentais, baseados nos melhores livros já publicados.

Os 5 Obstáculos que Impedem a Riqueza

Hoje, nossa conversa tem como ponto de partida o livro Independência financeira – o guia do pai rico (escrito por Robert T. Kyosaki e Sharon L. Lechter), que é complementar ao best-seller Pai Rico, pai pobre, que já foi tema de artigo aqui.

A leitura do livro pode servir como um “soco na cara” em diversos momentos. Há várias passagens que nos fazem refletir sobre como estamos conduzindo nossas vidas no que diz respeito ao dinheiro e ao que queremos para o futuro.

Um dos trechos que mais me chamou a atenção foi no capítulo dedicado aos obstáculos que impedem a riqueza e que estão no caminho daqueles que buscam a independência financeira.

São eles: o medo, o ceticismo, a preguiça, os maus hábitos e a arrogância. É sobre eles que quero conversar com você hoje.

Vamos lá?

1. Superar o medo de perder dinheiro

Superar o medo (de perder dinheiro)Muitas vezes, as pessoas atrelam medo à covardia. Mas essa é uma relação equivocada. O sentimento de medo é natural, principalmente quando está relacionado a investimentos de risco, e, além disso, é um fator fundamental na estrada que leva a independência financeira.

O desafio, portanto, é saber moldar a forma como você encara seus medos. E é justamente aí que a diferença de mentalidade entre os ricos e pobres fica escancarada, segundo Kyosaki e Lechter.

Nada pode explicar melhor essa ideia do que este trecho do livro:

A grande maioria das pessoas tem tanto medo de perder dinheiro que acaba perdendo. Financeiramente, desejam segurança demais e têm um horizonte estreito. Compram casas e carros grandes, mas não fazem grandes investimentos. A principal razão que leva mais de 90% das pessoas a ter problemas financeiros é que elas jogam para não perder. Não jogam para ganhar.”

Eu duvido que você não conheça ao menos uma pessoa com esse perfil – provavelmente várias, não? A famigerada zona de conforto é uma das principais armadilhas ligadas ao medo – não só nos investimento, mas na vida.

O medo é um dos principais obstáculos que impedem a riqueza. A receita para combate-lo é muito simples (e a boa notícia é que você já está fazendo a sua parte apenas por estar aqui comigo): estude e aprimore seu conhecimento na arte de investir. A sabedoria é a chave para ter confiança para superar seus receios e temores.

2. Superar o ceticismo

Superar o ceticismo

A dúvida não esclarecida e o medo criam o cético.

Essa simples, porém profunda, frase presente no livro me fez lembrar diversas conversas que tive com pessoas que tem o perfil de medo citado no obstáculo anterior. O ceticismo é um dos mais poderosos obstáculos que impedem a riqueza.

Não foram poucas as vezes que ouvi frases como: “você só pode ser doido por investir nesse cassino que é a bolsa de valores”. E o pior é que boa parte das pessoas que dizem coisas como essa se encaixam perfeitamente no perfil das que jogam apenas para não perder.

Novamente, os investimentos ensinam uma preciosa lição para a vida. Não é porque não conhecemos algo que isso deva ser descartado, ignorado ou desprezado. A dúvida paralisa.

Para superar o ceticismo, a dica, novamente, é buscar o conhecimento. Como dizem os autores de Independência financeira – o guia do pai rico:

Encontrar o que os outros não veem é a chave para qualquer sucesso.

Aproveitando a deixa, você já aprendeu algo novo hoje que pode ajudá-lo a investir melhor amanhã?

3. Vencer a Preguiça

preguiça

Você já usou a célebre frase “não tenho tempo” para justificar uma negativa em fazer algo, principalmente que o tire de sua zona de conforto? Se sim, cuidado, muito cuidado! Tome nota deste recado dos autores do livro que apoia o nosso debate de hoje:

Pessoas ocupadas são, em geral, preguiçosas. Estão ocupadas e continuam ocupadas como uma forma de evitar algo que não desejam enfrentar. Elas sabem disso no seu íntimo, mas se você falar sobre isso, respondem com raiva e irritação. Se não estão ocupadas com o trabalho, muitas vezes estão ocupadas assistindo televisão, fazendo compras, jogando. Contudo, lá no fundo sabem que estão fugindo de algo importante. Essa é a forma mais comum de preguiça. É a preguiça através de manter-se ocupado. E qual é a cura para a preguiça? É um pouco de ambição.”

A ambição, bem como o medo, é uma palavra mal compreendida. Muitas vezes é atrelada a algo ruim e errado, mas não é.

A ambição é um poderoso energizante e motivador para vencer os obstáculos que impedem a riqueza. Desde, é claro, que você não cometa desvios éticos ou morais para atingir seus ambiciosos objetivos.

4 – Maus hábitos são obstáculos que impedem a riqueza

maus habitos são obstaculos para riqueza Responda rápido: qual é a primeira coisa que você faz quando recebe seu salário ou Pró Labore? Paga contas, faz compras desnecessárias ou remunera a si mesmo (direciona uma boa parte de seus rendimentos aos investimentos)?

A forma como você gerencia seu dinheiro no dia a dia pode ser muito reveladora no que diz respeito a você atingir ou não a sua independência financeira.

Se pagar a si mesmo primeiro, ficará mais forte financeira, mental e fisicamente, e se deixar de se pagar, ficará mais fraco”, alertam Kyosaki e Lechter.

Nessa esteira, já escrevi sobre os 7 Hábitos que Irão Ajudar Você a Conquistar sua Independência Financeira.

Foi um artigo que teve grande repercussão. Tenho certeza de que vai inspirar você a aprimorar seus hábitos saudáveis no que diz respeito ao dinheiro e a seu futuro financeiramente independente.

5. A arrogância é fatal arrogancia

A arrogância, poderosa aliada da preguiça, do ego, do ceticismo e da ignorância, é fatal para a sua trajetória rumo ao enriquecimento.

Acreditar que o que você não sabe não é importante ou, pior, achar que já sabe tudo o que precisa sobre algo, principalmente relacionado ao mercado de ações, é o mesmo que assinar um  atestado de incapacidade de se tornar um milionário.

Como bem disse Miguel de Cervantes, autor do clássico Don Quixote:

A humildade é a base e o fundamento de todas as virtudes e sem ela não há nenhuma que o seja.

Você enfrenta algum desses obstáculos que impedem a riqueza?

Como você se sente hoje em relação à caminhada que percorre rumo à independência financeira?

Após a leitura de hoje, sente que seu sucesso está empacado por ter algum destes cinco obstáculos (ou quem sabe algum outro) em seu caminho?

Deixe um comentário e enriqueça o debate. Quem sabe eu possa escrever futuramente sobre o que mais lhe aflige hoje.

E caso você queira conhecer hoje um caminho prático para criação de riqueza, tenho um convite para você.

Convido você a assistir minha aula online e gratuita onde ensino “Como Ganhar de R$ 1 mil a R$ 5 mil por mês com dividendos”.

Mas calma, muita calma…. eu sei que essa promessa parece boa demais para ser verdade e eu nem quero você acredite nisso nesse momento.

Apenas faça sua inscrição, assista e depois me diga se o que você aprendeu faz sentido ou não. Combinado?

Clique aqui para se inscrever na aula: “Como Ganhar de R$ 1 mil a R$ 5 mil por Mês Com Dividendos”

Bons investimentos!

Crédito das imagens: www.shutterstock.com

Outras Publicações

Leia Mais

Ebook - Bolsa de Valores para Leigos

Bolsa de Valores Para Leigos

André Fogaça

Nesse e-book você vai dar os seus primeiros passos no mundo dos investimentos e ficar por dentro de alguns detalhes importantes do mercado de ações. Você se sentirá seguro de conversar sobre investimento com qualquer pessoa depois de ler esse livro. Arrisco dizer ainda que você vai ficar louco para começar a investir. Uma boa leitura!

Sem tempo para ler? Assista nossas Palestras Online

Abrir conversa
1
Precisa de Ajuda?
Olá,
Podemos te ajudar?
Powered by