Construção civil MRVE3, EZTC3, TRIS3 e TEND3

Adriano Severo

Adriano Severo

Severo acredita que uma pessoa só consegue ser verdadeiramente livre para seguir os seus sonhos quando conhece e coloca em prática bons hábitos financeiros.

Uma excelente fonte de renda passiva

Construtoras… O que será que pode acontecer com elas?

A construção civil atua na construção e na venda de empreendimentos imobiliários, como casas, apartamentos, imóveis comerciais, dentre outros.

A economia aquecida é muito importante para o crescimentos das construtoras.

Economia crescendo é sinônimo de pessoas ganhando mais dinheiro, o que significa maior potencial de aquisição de imóveis.

Economia estagnada é sinônimo de pessoas com menos dinheiro, o que significa menor potencial de aquisição de imóveis.

Mas algo mudou nesse setor recentemente. E isso ajudou as construtoras. Estamos falando do distrato.

Até pouco tempo atrás essa regra não estava tão clara.

Muitas pessoas conseguiam elevados ressarcimentos em caso de distrato com a construtora.

Agora as construtoras podem ficar com até 50 por cento do valor pago pelo cliente.

Outra questão é em relação a emissão de títulos de dívida, através do CRI (Certificado de Recebíveis Imobiliários).

Com a mudança as construtoras agora possuem mais liberdade para emitir CRIs, pois podem utilizar com o objetivo de reembolso de valores já incorridos no setor imobiliário.

Dito isso, vamos pensar sobre o aqui e o agora: as reformas estão encaminhadas e há perspectivas de melhora na economia.

Isso reflete em uma melhora da confiança do consumidor e do empresário.

Convenhamos… com as pessoas sem confiança, não há como esperar investimentos massivos, principalmente em um setor que que precisa desembolsar bastante dinheiro.

Quedas na Selic estão cada vez mais próximas e necessárias. Isso também ajuda o setor.

Quando temos na economia a combinação de juros baixos e um potencial de crescimento no Produto Interno Bruto (PIB) isso gera um potencial altamente benéfico para a atividade da construção civil.

O gráfico elaborado pela FGV não me deixa mentir:

Seguem ainda as indefinições de como funcionará uma eventual liberação do FGTS, medida que pode impactar o setor, uma vez que o fundo é usado para financiamento imobiliário.

Vamos ver a situação das principais empresas do setor listadas…

Em questões de valor de mercado temos:
MRVE3 = 8,61 bi,
EZTC3 = 6,06 bi,
TRIS3 = 1,17 bi,
TEND3 = 2,33 bi.

As valorizações, neste ano, especificamente dessas empresas temos:
MRVE3 = 52,66 por cento,
EZTC3 = 47,54 por cento,
TRIS3 = 102,12 por cento,
TEND3 = 54,19 por cento.

O GI Score, que mede a qualidade da empresa, aponta o seguinte:

Histórico de lucros da MRV:

Histórico de lucros da Eztec:

Histórico de lucros da Trisul:

Histórico de lucros da Tenda:

E você? Está confiante em uma melhora da economia nos próximos anos?

Quais ações acha que tem potencial de pagar bons dividendos nos próximos anos?

Me siga no instagram e mande suas opiniões sobre o mercado financeiro

@severoadriano

Abs

Outras Publicações

Leia Mais

Ebook - Bolsa de Valores para Leigos

Bolsa de Valores Para Leigos

André Fogaça

Nesse e-book você vai dar os seus primeiros passos no mundo dos investimentos e ficar por dentro de alguns detalhes importantes do mercado de ações. Você se sentirá seguro de conversar sobre investimento com qualquer pessoa depois de ler esse livro. Arrisco dizer ainda que você vai ficar louco para começar a investir. Uma boa leitura!

Sem tempo para ler? Assista nossas Palestras Online

Abrir conversa
1
Precisa de Ajuda?
Olá,
Podemos te ajudar?
Powered by