É melhor abrir um negócio ou comprar ações?

Ter sua própria empresa ou investir em ações e se tornar sócio de uma grande companhia? Qual a melhor opção para aplicar seu dinheiro?
Equipe Guiainvest

Equipe Guiainvest

Abrir um negócio próprio é o sonho de muitos empregados. As razões são quase sempre as mesmas: falta de perspectiva, jornada de trabalho longa, busca por maior estabilidade financeira. Mas será que ter sua própria empresa é mesmo um bom negócio?

A busca por uma fonte de Renda Extra é uma grande preocupação por parte dos brasileiros, principalmente nos tempos de crise. Quem é que não quer uma maior segurança e estabilidade financeira, não é mesmo?

O mercado está repleto de oportunidades para ganhar dinheiro. Seja se tornando um empreendedor, quanto investindo em produtos financeiros.

Se você tem uma boa ideia, um bom planejamento, pesquisa de mercado, capital e principalmente, muita disposição, abrir um negócio próprio pode gerar um retorno muitas vezes maior que diversas aplicações por aí.

Porém, existe um outro caminho para se tornar sócio de uma empresa e obter bons ganhos: investir em ações.

O que será melhor, investir na Bolsa de Valores ou no negócio próprio?

Abrir um negócio próprio

Ser o seu próprio chefe, ter autonomia para tomada de decisão, poder contar com a possibilidade de uma escala de trabalho mais flexível, fazer algo que gosta. Essas são algumas das vantagens de ter sua própria empresa.

Existem diversos exemplos de pessoas que encontraram seu diferencial, investiram nele e se deram muito bem, fazendo seu dinheiro render mais que muitas aplicações financeiras existentes no mercado.

Porém, ser dono do próprio negócio não é fácil e possuem riscos. Apesar de não prestar contas para o chefe, todo empreendedor deve prestar conta para o consumidor. Esse sim é o mais exigente dos chefes.

Engana-se quem pensa que é abrir um negócio é sinônimo de ficar rico rapidamente. Administrar um negócio próprio não é moleza. Exige tempo e dedicação normalmente superior à do assalariado. E muitas vezes significa sacrificar finais de semana, feriados e férias.

Empreender também demanda disposição ao risco. Lírio Parisotto, inclusive, acredita que investir no próprio negócio pode ser até mais arriscado do que investir em ações.

Crise econômica, inflação e desemprego, são problemas que o país tem enfrentado e sobreviver a esses momentos difíceis exige sangue frio, criatividade e muita persistência.

Segundo dados do Sebrae, diversos negócios fecham suas portas nos primeiros dois anos de vida. Mas, se abrir um negócio irá lhe trazer realização pessoal, primeiro faça um levantamento da demanda, dos gastos e do risco que isso implica. Após entender tudo isso, se esse é realmente seu desejo, faça acontecer.

Agora, imagina ser sócio de empresas consolidadas, ter os melhores profissionais do país trabalhando para você, fazer parte dos maiores projetos e receber por sua participação.

Essas são algumas vantagens de ter ações…

Comprar ações

Ao investir em ações, você se torna sócio de grandes empresas e passa a receber conforme a sua participação.

Ao contrário de abrir um negócio, que precisa de muito dinheiro e tempo de dedicação, investir é muito mais simples. Você não tem a obrigação de atuar na administração, você somente ajuda com o seu capital e recebe seus dividendos ou lucros anuais.

Controlar suas ações exige pouco do seu dia a dia. Graças à tecnologia, é possível comprar e vender ações de onde estiver, através do Home Broker.

Comprando ações você também pode diversificar seus investimentos. Assim, em uma época de crise, seu dinheiro estará mais seguro do que quando se tem um negócio próprio com foco em apenas um tipo de serviço ou material.

Abrir um negócio ou investir em ações?

Negócio Próprio Comprar ações
Maior risco de perder tudo Mais segurança por conta das diversificações
Retorno pode ser inferior ao esperado É possível alcançar bons retornos com conhecimento e uma boa estratégia de investimento
Exige dedicação em tempo integral Não requer muito tempo
Pouco tempo para o lazer Mais qualidade de vida
Mais difícil de vender Negociadas com mais facilidade

Há vantagens e desvantagens para cada uma das escolhas, sendo possível ganhar dinheiro com ambas. Tudo vai depender do seu perfil como investidor, de conhecer o mercado e a si mesmo e muita dedicação.

Você pode inclusive fazer os dois! Parte dos homens mais ricos do mundo ficaram ricos através do próprio negócio e depois migraram para o mercado de ações e multiplicaram o dinheiro.

Se você não possui muito capital, não se preocupe, pois é possível ingressar no mercado acionário e diversificar sua carteira mesmo tendo pouco dinheiro.

Comece sua jornada rumo à Liberdade Financeira, veja quais são as 3 Ações Para Comprar Agora!

Outras Publicações

Leia Mais

Bolsa de Valores Para Leigos

André Fogaça

Nesse e-book você vai dar os seus primeiros passos no mundo dos investimentos e ficar por dentro de alguns detalhes importantes do mercado de ações. Você se sentirá seguro de conversar sobre investimento com qualquer pessoa depois de ler esse livro. Arrisco dizer ainda que você vai ficar louco para começar a investir. Uma boa leitura!

Sem tempo para ler? Assista nossas Palestras Online