Os dividendos morrem pela boca (do Bolsonaro)?

Adriano Severo

Adriano Severo

Severo acredita que uma pessoa só consegue ser verdadeiramente livre para seguir os seus sonhos quando conhece e coloca em prática bons hábitos financeiros.

Alô, pessoal. Tudo bem?

Trago um alerta muito importante pra você que gosta de investir em dividendos.

Recentemente alcançamos a marca histórica de 100.000 pontos no Ibovespa. Motivo de muita euforia e alegria no mercado financeiro. O índice recuou um pouco desde então.

Entre vários fatores que explicam essa queda no índice podemos citar:

  • A reforma da previdência que não está sendo encaminhada como planejada inicialmente,
  • A possível paralisação dos caminhoneiros no próximo dia 29
  • As diversas falas do presidente Bolsonaro

Quanto a reforma da previdência e a paralisação dos caminhoneiros, elas dependem de várias pessoas. Quanto as falas do Bolsonaro… bem… só dependem dele mesmo.

Lembro que quedas, sejam elas simples, moderadas ou graves, como crises, também geram oportunidades.

E o alerta da vez vai para a questão do aumento do Dividend Yield (DY) devido as falas do Bolsonaro.

Agora você deve estar se perguntando:

Mas como assim?

Vou explicar…

O dividendo se calcula pela seguinte fórmula:

Dividend Yield = Dividendos pagos pela empresa nos últimos 12 meses / Preço atual da ação.

Pela lógica matemática, para aumentar os Dividend Yield temos duas opções:

1- Aumentar os dividendos pagos pela empresa;

2- Diminuir o preço da ação.

Quando Bolsonaro fala alguma besteira e o preço da ação cai, ou desaba, naturalmente o indicador Dividend Yield cresce, pois a cotação da ação é impactada diretamente, conforme expliquei acima.

Veja no caso da Petrobras deste mês:

No gráfico acima você consegue perceber o momento em que ele interviu na Petrobras impedindo o reajuste do preços dos combustíveis em 5,7 por cento.

Segundo Paulo Guedes, Bolsonaro ligou para o presidente da empresa e disse “Você não vai colocar diesel no meu chopp, tá ok?”

Entre o fechamento de um dia e do outro, do espaço demarcado, a ação caiu mais de 8 por cento.

Se você não estiver atento ao que aconteceu no mercado financeiro pode olhar apenas para o indicador DY e acreditar que a empresa está pagando bons dividendos.

Claro que analisar por si só este indicador não quer dizer muita coisa.

É importante você usar ele em conjunto com outros critérios.

A empresa pode ter questões pontuais de acréscimo ou decréscimos do indicador e continuar sendo boa ou ruim. O importante é que você entenda os motivos pelos quais o fato ocorreu e se é algo pontual ou que vai permanecer por um longo tempo.

O principal alerta ao investidor neste quesito é que algumas empresas podem ser afetadas pelas falas do Bolsonaro e o investidor escolher empresas com indicadores deturpados da realidade.

Escolha empresas com bons fundamentos, monitore seu histórico e acompanhe os dividendos regularmente, para evitar cair em “armadilhas” que corroem seu planejamento.

Se tiver interesse, preparamos uma palestra com tudo o que você precisa para começar a investir na Bolsa.

ABS

Adriano Severo

Adriano Severo é Educador Financeiro, formado em Administração de Empresas pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS) e pós-graduado em Mercado de Capitais pela Associação dos Analistas e Profissionais de Investimento do Mercado de Capitais (APIMEC). Ministra palestras e cursos sobre finanças e economia e leciona na Fundatec e QI Faculdade & Escola Técnica. Participa como fonte de informação para TV Record, Band TV, Estadão, CBN, HSBC, VIVO, UOL, GaúchaZH, Correio Braziliense, Correio do Povo, Jornal do Comércio, Diário Gaúcho, Postalis, AGERT, POATV, dentre outros. Possui painéis expostos no Museu de Finanças da PUCRS.

DISCLAIMER: As informações colocadas nessa editoria são produzidas de forma independente e não possuem qualquer influência de empresa ou instituição que venha a ser mencionada. As informações aqui contidas refletem a opinião do autor e não de todos os membros do GuiaInvest. Apesar de ter sido tomado todo o cuidado necessário de modo a assegurar a credibilidade das informações no momento em que as mesmas foram colhidas, suas precisão e exatidão não são de qualquer forma garantidas e o GuiaInvest não se responsabiliza pelas mesmas. Os preços, as opiniões e as projeções contidas nos nossos conteúdos estão sujeitos à mudanças a qualquer momento, sem necessidade de aviso ou comunicado prévio. Nenhum relato desse texto pode ser interpretado como sugestão de compra ou de venda de quaisquer ativos, tratam-se apenas de opiniões. Não podemos garantir nenhum retorno financeiro sobre qualquer operação feita através das informações que fornecemos, sejam elas pagas ou gratuitas. Negociações de ativos no mercado financeiro envolvem riscos e rentabilidade passada não garante rentabilidade futura.

Outras Publicações

Leia Mais

Ebook - Bolsa de Valores para Leigos

Bolsa de Valores Para Leigos

André Fogaça

Nesse e-book você vai dar os seus primeiros passos no mundo dos investimentos e ficar por dentro de alguns detalhes importantes do mercado de ações. Você se sentirá seguro de conversar sobre investimento com qualquer pessoa depois de ler esse livro. Arrisco dizer ainda que você vai ficar louco para começar a investir. Uma boa leitura!

Sem tempo para ler? Assista nossas Palestras Online

Abrir conversa
1
Precisa de Ajuda?
Olá,
Podemos te ajudar?
Powered by